Plano de negócios da SATA até final de junho

0 / 95

O plano de Negócios da SATA deverá ser conhecido até ao final do mês de junho. A garantia foi deixada por Ana Cunha, secretária regional dos Transportes e Obras Públicas, no plenário do parlamento açoriano que decorre na Horta e no âmbito de uma sessão de perguntas promovida pela Representação Parlamentar do PPM.

A governante recordou que o atraso na apresentação dos documentos deveu-se à pandemia, mas que o plano incluirá “uma reestruturação também ao nível financeiro, sem esquecer os diversos aumentos de capital que o Governo Regional tem vindo a fazer, enquanto acionista, o último dos quais a 23 de março, no valor de 80 milhões de euros”.

As críticas mais contundentes à atual situação da companhia, particularmente à sua gestão, vieram de Paulo Estevão. O deputado do PPM acusou o Governo Regional de estar a “prolongar a agonia da SATA” e de “não querer assumir responsabilidades antes das eleições”. “Isso é inadmissível em democracia”, sustentou.

“A SATA somou, nos últimos dois anos, um prejuízo de 106 milhões de euros. O grupo SATA soma agora uma brutal dívida global. Ou seja, estava tecnicamente falido muito antes da crise ocasionada pela Covid-19, devido à gestão absolutamente desastrosa que o Governo Regional implementou na empresa”, disse Paulo Estêvão.

17.06.2020


Related Posts

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *