Tecto máximo de 134 euros para residentes chumbado na AR

0 / 74

No âmbito da votação do Orçamento de Estado para 2019, que decorre na Assembleia da República, PS e PSD chumbaram uma proposta do BE que pretendia garantir que os passageiros residentes nos Açores passassem a pagar, no máximo, apenas 134 euros para viagens entre a Região o continente.

De a cordo com o Bloco de Esquerda, a proposta “definia a simplificação do subsídio social de mobilidade, para que na compra do bilhete, os passageiros residentes nos Açores deixassem de ter que adiantar valores que são por vezes exorbitantes, e acabar com o atual processo burocrático de reembolsos através dos CTT”.

“PS e PSD optaram por favorecer as companhias aéreas, em vez de favorecer o direito à mobilidade dos açorianos e açorianas”, lamentou o deputado Paulo Mendes, do BE/Açores.

28.11.2018


Related Posts

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *