Trabalhadores da Cofaco manifestam-se junto ao parlamento

0 / 193

Mais de uma centena de trabalhadores da Cofaco manifestaram-se esta manhã junto da Assembleia Legislativa da Região Autónoma dos Açores, depois de um plenário sindical realizado na cidade da Horta e onde marcou presença Arménio Carlos, secretário-geral da CGTP.

Os trabalhadores pedem justiça e o seu emprego de volta, tendo sido entregues documentos reivindicativos junto da presidente da assembleia, do presidente do governo e representações parlamentares.

Arménio Carlos foi o porta-voz da insatisfação dos trabalhadores da Cofaco, alvo de um despedimento coletivo, num processo considerado “nebuloso”, levado a cabo por uma empresa que recebeu milhões de fundos comunitários e que não pode anunciar o seu encerramento sem contrapartidas.

“A contrapartida é a manutenção do emprego e a necessidade de apostar na indústria conserveira”, referiu Arménio Carlos

17.01.2017

 


Related Posts

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *