PCP: PS chumba alteração ao SIDART

0 / 345

A maioria socialista no parlamento açoriano chumbou uma proposta apesentada pela representação parlamentar do PCP, que preconizava uma alteração ao Sistema de Incentivos para o Desenvolvimento do Artesanato dos Açores (SIDART).

A proposta comunista assentava no apoio e incentivo à utilização de matérias-primas regionais, alteração que, no entender do deputado comunista João Paulo Corvelo, constituiria “um estímulo não apenas para os artesãos, mas traria efeitos positivos também para outros produtores e agentes económicos açorianos, contribuindo para a criação de uma cadeia de valor e para o conjunto da economia regional, valorizando desta forma o saber-fazer açoriano e os seus produtos locais”.

Segundo o PCP, a utilização de matérias-primas de origem local ou regional nos produtos artesanais não é devidamente valorizada, continuando a “existir uma lacuna no apoio à criação de produtos artesanais de excelência, integrando materiais genuinamente açorianos”.

A proposta comunista, que foi secundada pelas bancadas do CDS-PP, BE e PPM, contou com o voto contra do PS e a abstenção do PSD.

13.12.2017

 


Related Posts

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *