SATA: PPM acusa Governo Regional de falta de ética e respeito

0 / 644

Paulo Estevão, deputado do PPM no parlamento açoriano, acusou o Governo Regional e o Partido Socialista de “falta de ética e de respeito em relação ao Parlamento dos Açores”, aludindo ao pedido de demissão de Luís Parreirão do cargo de presidente do Conselho de Adminstração da SATA, ao considerar que quer o governo quer o PS “tentaram proporcionar uma saída limpa, num contexto de responsabilidade pessoal muito complexo”. O deputado do PPM, no âmbito de uma interpelação sobre a situação de instabilidade e crise que o Grupo SATA está a enfrentar devido à ação do Governo Regional, considerou não ser normal a saída de Luís Parreirão, numa altura em que decorrem os trabalhos de uma comissão parlamentar de inquérito.

Na resposta, Vasco Cordeiro, presidente do Governo Regional, salientou que a interpelação promovida pela oposição teve a “finalidade inconfessável” de tentar utilizar a SATA como “arma de arremesso político” contra o executivo regional.

 


Related Posts

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *